10 curiosidades incríveis sobre os cães da raça golden retriever

Conhecido por seu temperamento doce, o golden retriever é um dos cães favoritos quando o assunto é companhia. Além disso, os peludos dessa raça colecionam histórias de muito companheirismo, amor e inteligência.Chamado também de yellow retriever, o cãozinho conquista pessoas de todas as idades por seu jeito brincalhão e amigável.

1 – Eles são escoceses

Os registros apontam que o golden retriever surgiu durante a era vitoriana, pois na época as pessoas desejavam cães de tamanho médio que pudessem nadar e caçar. Em 1850 o barão Dudley Coutts Marjoribanks, habitante de Irvernesses, na Éscocia, criou o cãozinho por meio do cruzamento do retriever e o tweed walter spaniel. Rapidamente o animal caiu na graça dos escoceses por ser um excelente nadador e caçador, “pescando” peixes com muita facilidade.


2 – A raça demorou para ser reconhecida

A organização responsável pelo reconhecimento e registro de raças de cães, a American Kennel Club (AKC), demorou um pouco para reconhecer a raça. E isso aconteceu pois no início, a raça era vista apenas como uma variação de cor dos cães retriever. Em 1932 a raça foi oficializada e devidamente registrada como golden retriever.

3 – São cães trabalhadores

Os cães dessa raça são usados desde sua origem para caçarem em situações difíceis devido a sua inteligência, o tornando um forte trabalhador. Além disso são bastante obedientes e fiéis aos seus donos, por isso são usados muitas vezes como cães-guia e Animais de Assistência Emocional (ESAN), auxiliando pessoas com doenças graves.

Os primeiros três cachorros a alcançarem o título de campeões de obediência do American Kennel Club (AKC) eram cães da raça golden retriever.


4 – Precisam de atenção e carinho

O cão da raça golden retriever é bastante energético e dependente. Esses animais que não podem passar muitas horas sozinhos, pois podem desenvolver um comportamento ruim e uma personalidade destruidora. Logo, o tutor precisa estar ciente e estar disposto a fazer brincadeiras com uma frequência diária.


5 – Não latem muito

Os cães dessa raça não costumam latir muito, apenas quando é realmente necessário. Entretanto se forem deixados muito tempo sozinhos podem desenvolver o hábito de latir com frequência no intuito de chamar mais atenção.


6 – Precisam de treinamento e atividade física

Os retrievers são bastante agitados e têm energia de sobra, por essa razão passeios e atividades físicas são essenciais para manter a saúde física e mental desse animal em bom estado. Essa raça precisa de cerca de 60 minutos diários de atividade (eles adoram caminhar). Quando não se exercitam ficam estressados e entediados, podendo desenvolver um comportamento agressivo.

Além disso é preciso ensiná-los e adestra-los logo cedo pois são animais bastante desastrados e precisam ter noção do próprio tamanho. Os cães desta raça estão sempre prontos para aprender novos comandos e agradar a família. E treiná-lo não é uma missão muito difícil, pois são animais muito inteligentes, ocupando o 4º lugar no ranking de inteligência canina.


7 – São ótimos com crianças

Com uma personalidade bastante amigável o golden retriever tem uma tendência a se dar bem com todos, inclusive crianças, estranhos e outros animais. Eles tendem a ser ótimos com crianças devido ao instinto de proteção e lealdade.


8 – São apaixonados por água

Desde sua origem, os cães dessa raça amam nadar e brincar com água. Por isso, eles têm uma facilidade grande em se sujar, pois brincam facilmente com lama e poças que encontram por aí. Por isso, o tutor deve estar ciente que os banhos devem ser frequentes.

Além disso, o tutor deve estar preparado para entrar no banho junto com eles, pois eles veem o banho como uma brincadeira, tornando a hora da limpeza um momento de diversão para o tutor e o animal.


9 – Um sucesso no cinema

O golden retriever foi protagonista do filme Bud, o cão amigo, em 1997. O sucesso do primeiro filme foi tanto que gerou as sequências: Bud 2, o atleta de ouro (1998), Bud 3, jogando futebol (2000), Bud 4, é uma jogada perfeita (2002), Bud 5, arrasando no vôlei (2005) e por último Bud, uma nova confusão (2006), gerando uma verdadeira saga com os cães dessa raça.

10 – Saúde

Em geral os cães da raça golden retriever são bastante saudáveis e podem viver até doze anos. Entretanto, o tutor deve estar atento a alguns problemas como displasia no quadril e cotovelo, problemas no coração e olhos. Esses fofos podem ter uma tendência a desenvolver problemas na visão.





Fonte: www.metropoles.com
Outros, 05.JANEIRO.2020 | Postado em Notícias
  • 1
Exibindo 1 de 1

Carregando...